quarta-feira, 20 de março de 2013

Galeria de Fotos do Relicário - Fazenda Boa Vista em Bananal - São Paulo


-Sede principal da Fazenda Boa Vista -

Que post demorado esse. Há dias quero postar mas simplesmente não consegui,  vou sendo levada pelo tempo e quando vejo " já fui " usando a expressão de  um amigo meu...Mas vendo essas fotos novas do meu amigo Volnei Almeida tive ânimo, adoro as fotos dele e essas em especial, pois foram tiradas em um lugar muito especial, que eu gosto muito: Bananal - São Paulo
- Estrada que leva à entrada da Fazenda -

Bananal é a última cidade do Vale do Paraíba, fica ao extremo leste de São Paulo, de onde fica a 314km. No sopé da Serra da Bocaina, é uma cidadezinha pequena e muito agradável, segundo o senso de 2003 tem apenas 9.910 habitantes e uma área de 618,7km2, uma miscelânea do rural com a cidade, o parque ecológico com muitas cachoeiras, trilhas, algumas com a vista para o mar de Angra dos Reis, e ao mesmo tempo, os antigos casarões das fazendas do ciclo do café, repletos de história dos tempos aúreos dos barões de café do Império que atraí muitos turistas durante todo o ano, Bananal é história pura. 
- Uma bela vista, você não acha? -

Bananal nasceu da povoação fundada por João Barbosa de Camargo e sua mulher Maria Ribeiro de Jesus, que aí ergueram uma capela dedicada ao Senhor Bom Jesus do Livramento, em sesmaria que lhes foi doada em 1783. O povoado foi elevado a Vila em 1832, e a Município em 1849, sendo comarca desde 1858. 
O município cresceu e se enriqueceu com as fazendas de café. Com tanta riqueza, Bananal chegou  a avalizar para o Império empréstimos  feitos em bancos ingleses, chegando ao luxo de possuir, por algum tempo,  moeda própria.
- Porta que dá entrada ao Salão principal da Fazenda -

Bananal fica a 30min. aqui de Barra Mansa, o que impressiona muitas pessoas, passa-se do estado do Rio de Janeiro para o estado de São Paulo, assim, em tão pouco tempo. O que mais me impressiona é que mesmo com tanta proximidade Bananal não se deixou contaminar pelos costumes aqui do Sul Fluminense, ao contrário, impressiona a quem chegar lá e ver que se está mesmo em uma cidadezinha do interior de São Paulo. Orelhões diferentes, sotaque paulista acentuado por ser do interior, costumes que se mantém vivos através dos séculos. Artesanato local riquíssimo, lá em Bananal até os homens  fazem crochê, uma das principais fontes de sustento de muitas famílias da cidade e das redondezas, onde a área rural ainda abriga uma boa parte da população.
- Salão Principal da Fazenda Boa Vista -

A fazenda dessas fotos do meu amigo Volnei, é a " Fazenda Boa Vista ", construída em meados de 1780, a fazenda era até então, uma grande produtora de anil, passando depois, já sob administração do seu primeiro  herdeiro, Luciano José de Almeida, a grande produtora de café, possuindo nessa ocasião três mil e novecentos alqueires geométricos, era necessário a mão de obra de mais de 1.000 escravos.
- Objetos que ficam no porão da fazenda -

Hoje, a Fazenda é um " Hotel Fazenda " que recebe hóspedes do mundo inteiro, que se encantam por sua beleza ímpar que leva a quem lá estiver a uma verdadeira viagem no tempo. Não se assuste se pelas terras da Boa Vista você se deparar com uma sinhazinha e sua mucama, rs.
- Vista da janela do Salão Principal da Fazenda -

A Fazenda Boa Vista vem sendo usada há muitos anos nas produções da Rede Globo, forma inúmeras novelas tais como: Sinha Moça,O Casarão, Dona Beija, Cabocla, filmes como o "Coronel e o Lobisomem "
dentre tantas outras produções.

- Muito linda , imponente -

E...
" Ladies And Gentlemens ",
Com vocês " Volnei Almeida " o Futuro " Barão de Araruna "...rs..

- Fonte de Pesquisa : Wikipédia- 

8 comentários:

  1. É Cris! Como sempre você me surpreendendo com suas postagens. E com isso a vontade fotografar é cada vez maior. Quanto a Bananal, é um lugar que eu não canso de visitar e sempre tem algo novo (porém, não tão novo) para fotografar.
    Parabéns pelo Blog, ele está lindo.

    ResponderExcluir
  2. Oi Cris, obrigada pela sua visita ao Vivendo e Aprendendo! Já tive mts e mts vezes em Bananal, é uma cidade aconchegante e o povo mt hospitaleiro e acolhedor, lembro-me mt bem da vez que ganhei de um morador local uma garrafa de mel de eucalipto, amei! Parabéns pela postagem e pelo blog. Sucesso sempre! :))
    Bjsss
    Vivendo e Aprendendo

    ResponderExcluir
  3. Oi Cris!
    Que imagens lindas!
    Bananal deve ser uma cidadezinha aconchegante;
    as fotos do Hotel Fazenda Boa Vista,são belíssimas e imponentes.
    Adorei o post!
    Bjs \o/

    ResponderExcluir
  4. Oi Cris! Já estou com o PC arrumado e podendo comentar... Jesus, me abana... como é ruim, ler um post e ter que sair à francesa! Eu já vivi nesse tempo em um lugar assim... eu vejo e sinto saudades! Eu tenho vontade de entrar... Sou louca para fazer uma excursão pelas cidades do ciclo do café, conhecer aquelas fazendas, seus casarões, sentir o cheiro do café torrando... Seu post está divino! Bjks Tetê - Manancial

    ResponderExcluir
  5. Oi Cris, gostei muito de conhecer um pouco desse Hotel Fazenda. Achei super instigante a idéia de ficar num lugar assim, com tanta história mantida. Até a energia do lugar deve ser diferente. Voltarei mais vezes aqui. Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Que pena eu não ter possibilidades de ir a esse Hotel Fazenda.
    Obrigada pela sua visita a um dos meus blogues. Já me registei
    no seu. Tenho um outro blogue http://sinfoniaesol.wordpress.com
    que não aceita seguidores, mas aceita comentários. Se o quiser
    visitar ficaria feliz. Virei ao seu blogue sempre que possa,
    para ficar a conhecer mais coisas desse maravilhoso país.
    Um abraço
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  7. Encantada e querendo está aí, desfrutando dessas maravilhas..Ótimas fotos. Abraços.Sandra

    ResponderExcluir
  8. Linda fazenda. Gostaria de ter uma assim! O meu padrinho tinha uma belíssima fazenda com uma casa antiga imensa, porém muito bem conservada. Uma pena que os filhos herdeiros não quiseram assumir a administração dela e foi necessário que a propriedade fosse vendida.Os netos só querem farra e festa! As memórias vão se perdendo e vejo que muitos da juventude não estão nem aí para os nossos velhinhos e seus passados, que têm histórias encantadoras.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita, volte sempre!